24.4.12

Miguel Portas (1958-2012)

"Choro de pomba. E a Morte é uma águia
cujo grito ninguém descreve."

Cecília Meireles

Sem comentários: