25.6.05

Só umas perguntinhas: porque é que a organização deste evento, que se insere no programa aveiro em festa, decidiu complicar tanto a vida ao público cercando uma área descomunal à volta do local do show? Seria dramático se no relvado oposto ao palco/lago, os não pagantes pudessem escutar o concerto? E exigir 20 euros por um bilhete para um espectáculo que é organizado pela CMA, não é um enorme abuso? A festa não é decididamente da/para toda a cidade!

Adenda:
o post do Januário, é claro!

Adenda II:
o post do João Oliveira, pela certa!

7 comentários:

Joaquim Pavão disse...

É o preço de um jantar. O preço de uma ida ao Jumbo. É o preço...
Nem é muito, nem é pouco. É um preço.

Penso que mais problemático que isso é a fraca afluência de pessoas a eventos culturais.

Os livros estão caros, o concerto não é barato mas os restaurantes enchem, as discotecas estão bem e vai-se ao cinema.

O poder local deve contribuir para a cultura, mas não deve oferecer tudo. Devemos habituar as pessoas a pagar pelo que consomem especialmente na cultura. Mais escandaloso que isso é a taxa de selo, a taxa de saneamento, etc...

MRF disse...

Joaquim, somos nós que pagamos as estradas e outras obras públicas que as CM constroem ou mandam construir. Porque funciona o departamento de cultura e turismo com uma lógica distinta, em termos de conceito de serviço, de um qqr outro departamento municipal? É que estes bilhetes nós já os pagamos antes, de forma indirecta, através de impostos. Mas concordo contigo relativamente à fraca apetência do público para iniciativas de carácter cultural, e sei que não é a gratuitidade que vai resolver o problema! Mas neste caso particular, o custo que a CMA teve com materiais, mão de obra e segurança para "isolar a zona" deve ser quase equivalente ao montante da receita. Ver aquele espaço magnífico cercado, dava uma enorme sensação de non sense.

Obrigada pelo teu comentário.
Um abraço

Januário disse...

Concordo contigo Rosário. 20 mocas é muita um preço exagerado para as características do concerto. Mas foi muito giro. Pena q a gente não se tenha cruzado.

Bjs

MRF disse...

No próximo concerto, Januário :)

Daniel Malafaia disse...

Eu tambem fui, embora tb n paguei como é obvio :P

SaltaPocinhas disse...

é muito caro para concerto curtinho e ao ar livre...E além disso a cãmara não fazia mal nenhum se estes concertos fossem gratuitos Se as outras camaras o fazem porque será que a nossa nunca o faz?
Será que agora vamos andar a pagar o estádio até à eternidade?

MRF disse...

Daniel, (eu tb não) :P

Saltapocinhas, temos muitos anos 10 anos de passivo pela frente! :(