12.7.05

À escuta #11

Era um escritor famoso. Quando alguém com ambições na escrita se aproximava com a intenção de lhe deixar um manuscrito para que o lesse e avaliasse, ele respondia: não, muito obrigado!


Adenda: quem é o próximo a levar o escritor a passear?

5 comentários:

marquee gianni disse...

educação é o lado positivo do escritor famoso............ :s

Maria Heli disse...

Educado e simpático esse famoso!
bjo

George Cassiel disse...

Era um escritor famoso. Sentou-se no degrau da porta de casa. Respirou serenamente e devolveu o original ao vento.
- Agora sim escrevi, verdadeiramente, uma obra de arte!
Passou a pertencer ao vento. Foi devolvido à natureza!

Maria Heli disse...

Diva: e o mail? Responde ;)
bjo

Anónimo disse...

Bem.
Não se percebe bem porquê
não eu claro
mas o indivíduo chegou lá a esse curral onde todos parecemos querer chegar
a fama
o dinheiro. E sei lá o que mais
talvez a puta da mania de querer mostrar qualquer coisa aos outros ou a nós próprios. Pois há tipos que chegam lá e não se percebe sequer porquê. Talvez
bem talvez pertençam a uma esquadrilha um grupo de malfeitores culturais uma merda qualquer. Porque queremos nós estar lá
pertencer a essa escumalha.
-- O vaidoso nem me leu aquela porcaria. Dá para acreditar
(O que me diverte é que era o original.) O único exemplar e o tinhoso pegou nele
sentiu o peso do papel com paternalismo
olhou-me sorrindo e disse
-- Vou lê-lo mais tarde. Um dia. Um dia em que tenha tempo. Sabe
tenho muitas coisas de gente que está a começar. Mas deve continuar. Não perder a fé. Isto não é fácil. è preciso muito trabalho.
não dá. Não dá
muito obrigado.

Wilson T