16.1.07

O LIVRO DOS BONS PRINCÍCIOS

XXIV

Não faças milagres por amor de mim
Rainer Maria Rilke


Tenho tentado ficar-em-pé contrariando os sentidos que se inclinam. Amas-me com ódio e sou tão pequena que só em bicos de pé o teu olhar não me esmaga. Imagino-te o céu e o vento e ergo-me sobre ti para que o meu rosto não sombreie.
Ficar-em-pé contrariando os sentidos que se inclinam. Silencioso, aproximas-te como um animal feroz e sou corça que salta antes de ficar encurralada. Marro contra a tua fronte para que me temas e não me unhes voraz.
Ficar-em-pé contrariando este trabalhoso atravessar o-teu-corpo sem-me-magoar atravessar o-ódio-e-perdoar o-teu-medo de não seres grande.
Ficar-em-pé para te ver percorrer o caminho.



Todas as semanas saiem novos Princípios: às segundas n'O Afinador de Sinos, às terças aqui, às quartas no Ponto.de.Saturação. Para ler todos e seleccionar um, abram O LIVRO DOS BONS PRINCÍPIOS.

4 comentários:

Thiago Forrest Gump disse...

Ficar em pé é essencial!



Abraços

Unicus disse...

tens uma escrita fabulosa.
Beijos, Maria

MRF disse...

Forrest Gump, você se perdeu? :)

E sim, ficar em pé é essencial, muitas vezes.

MRF disse...

Obrigada, unicus.

bj²