30.3.09

Maurice Jarre 1924-2009

A primeira banda sonora que compôs foi para o documentário «Hotel des Invalides» de Georges Franju, em 1952. Depois, foram mais de 160, até «I Dreamed of Africa» em 2000. Algumas das suas composições ficaram-nos no ouvido para sempre. Há muito tempo que Maurice Jarre se eternizou...



Maurice Jarre dirigindo a Royal Philharmonic Orchestra em "Lawrence Of Arabia" (1962) - Um tributo a Sir David Lean, 1992



Maurice Jarre, mesmo evento. Tema: "Doutor Jivago" (1965)



Maurice Jarre, mesmo evento. Tema: "Passagem para a Índia" (1984)


[Imagem: Le Figaro,30-03-09]

8 comentários:

PreDatado disse...

Já noutro blog agradeci a Maurice Jarre pela música que fez. Aqui agradeço-te a ti por colocares estes três momentos de excelência.
Um beijo.

Helder Magalhaes disse...

Já passei muitos e bons momentos a ouvir Maurice Jarre.

Lawrence da Arábia e Doutor Jivago são de se ficar sem fôlogo (e com pele de galinha).

Obrigado, a ele, pela obra, e a ti, por esta singela e resumida colectânea, do
Helder

CA disse...

Muito bem lembrado, MR.

O dia M soa sempre, mas para alguns ficam notas no ar.

MRF disse...

Pre, são talvez as bandas sonoras mais conhecidas (e oscarizadas) dos 164 filmes em em que colaborou!

beijinho

MRF disse...

Olá Helder, devo-te notícias... :)

MRF disse...

Ficam muitas vezes notas no ar..., por isso é que andamos por cá, às vezes a lançar sorrisos à toa ;)

Claudia Sousa Dias disse...

não sei como mas o coment que fiz no outro dia não ficou gravado...

:-)

mas a banda sonora de Dr. Jivago é fabulástica!

Aliás todas eleas!

não resisti e mandei o link deste post a algumas amigas e um amigo que adora bandas sonoras!


beijinho

MRF disse...

Olá Cláudia, és sempre querida, obrigada pelo teu interesse e por esse teu lado sempre curioso e "mensageiro".

Por aqui, muito trabalho, com o aniversário das filhas pelo meio. O blogue ressente-se e os amigos também,certamente. Ando «longe»...

Beijo muito grande