6.11.07

Apenas

Mário Vitória
Nomes Novos para Coisas Antigas
Acrílico s/ tela - 150x150 cm - 2007

Gosto particularmente da pergunta que encerra o último artigo de Eduardo Graça no SM - sobre o Tratado de Lisboa ou «o chapéu jurídico da UE»:
«como hão-de os cidadãos, conformados à descrença nas suas próprias virtudes, ajudar à riqueza da nação?».

1 comentário:

eduardo graça disse...

Obrigada pela atenção continuada e persistente. A ilustração é magnífica e vou copiá-la,
um abraço